Lina Afonso de Corpo e Alma

Um Convite a Abraçar a Vida por Inteiro!

Retrato Lina

Desde jovem que me fascino com o mistério da Existência e que busco uma vida plena de sentido onde possa manifestar tudo o que sou. Como mulher aberta e curiosa fui procurando respostas ao meu impulso de aprendizagem e transformação: yoga, xamanismo, sagrado feminino, expressão livre do corpo e da voz, dança, chi kung e tai chi, canto e teatro. O viver noutros países e o contacto com outras culturas potenciou a minha tomada de consciência sobre quem sou e quem quero ser. Transversal a todas estas experiências estão o equilíbrio entre as forças feminina e masculina e relações humanas assentes em respeito e amor.

 

O meu percurso no Yoga

Quando comecei a praticar Yoga (em 99, depois de acabar os estudos) fiquei entusiasmada por encontrar uma forma de exercitar o corpo que dava espaço à minha sensibilidade e integrava a espiritualidade. Com a intenção de aprofundar a minha prática pessoal, fiz a primeira formação em 2011/12 com a associação Ananda Marga, com ênfase no poder de despertar espiritual do Yoga. A vontade de partilhar o Yoga foi surgindo, e comecei a dar aulas em março de 2013. Após 7 anos a trabalhar na área da Educação para o Desenvolvimento com o propósito de contribuir para um mundo melhor, o Yoga mostrou-se uma ferramenta para continuar esse caminho numa perspetiva de trabalho mais interno, de transformação pessoal.

Pegada na areia

Aprendizagem ao longo da vida

Alguns exemplos mais significativos do meu percurso: curso extensivo de Vedanta com Miguel Homem (2013/14), imersão em Anusara Yoga com Susana Garcia Blanco (2013), retiro de silêncio e meditação de 7 dias com Peter Bampton do Projecto Vida Desperta (2014), módulo 1 da formação em Yoga com Pedro Kupfer (2015), Yoga e Educação Somática com Liliana Nuño (workshops e formação 2016-2018). Atualmente o professor que mais me inspira é o Tomás Zorzo, pela sua visão profundamente humana e integral do Yoga (workshops e formação desde dezembro 2015).

 

Em 2017 integrei um grupo de investigação e reflexão sobre as possibilidades de uma espiritualidade universal e de uma Vida Divina, com a orientação de Isaac Portilla. No final desse ano o impulso para estar comigo em retiro levou-me 4 meses à Índia, numa viagem de investigação e descoberta: do Yoga, da espiritualidade, da natureza humana e, claro, de mim mesma!

 

Que mais posso dizer sobre mim…?

Adoro dançar, cantar, estar na natureza, conversar sobre coisas que importam, viajar com tempo, caminhar por ruas estreitinhas com alma, ... Gosto de espaço e de tranquilidade! Emociono-me com facilidade e dou boas gargalhadas :) Acredito no amor e na humanidade. E sei o que quero: viver a cada momento de forma genuína, fluída, inteira.

 

O meu trabalho é uma porta para ir mais fundo no meu caminho de aprendizagem e crescimento e inspirar o caminho de outras pessoas.

 

Estou muito grata por esta oportunidade e será um prazer partilhar convosco esta caminhada!

Lina

 

» Para uma visão mais ampla e colorida sobre mim, convido-vos a ler algumas das minhas vivências, reflexões e compreensões, em “Em estilo de Blogue”.